artigos acontece nossa arte humor dialeto o comédia & o truta histórias para refletir
Terça - 25 de Abril de 2017
COLUNISTAS 
@ SANDRA LOURENÇO
@RR RODRIGUES
Ademiro Alves (Sacolinha)
Alberto Lopes Mendes Rollo
Alessandro da Silva Freitas
Alessandro Thiago da Silva Luz
Alexandre M. O. Valentim
Ana Carolina Marques
Antony Chrystian dos Santos
Carla Leite
César Vieira
Cíntia Gomes de Almeida
Claudia Tavares
EDSON TALARICO
Eduardo Souza
Elias Lubaque
FAEL MIRO
Fernando Alex
Fernando Carvalho
Fernando Chaves dos Santos
Flávio Rodrigues
Garoto Loko (IT)
Gisele Alexandre
Henrique Montserrat Fernandez
Ivan de Carvalho Junqueira
Jack Arruda Bezerra
Jean Jacques dos Santos
João Batista Soares de Carvalho
João Henrique Valerio
JOEL BATISTA
Jonas de Oliveira
Jose de sousa
Júnior Barreto
Karina dos Santos
Karina dos santos
Leandro Carvalho
Leandro Ricardo de Vasconcelos
Leonardo Lopes
Luiz Antonio Ignacio
Marcelo Albert de Souza
Marco Garcia
Marcos Lopes
Maria de Moraes Barros
massilon cruz santos
Natália Oliveira
Nathalia Moura da Silva (POIA)
NAZARIO CARLOS DE SOUZA
NEY WILSON FERNANDES SANTANNA
Rafael Andrade
Rafael Valério ( R.m.a Shock )
Regina Alves Ribeiro
Rhudson F. Santos
Ricardo Alexandre Ferreira
Rodrigo Silva
Silvio Gomes Batisa
Sônia Carvalho
Teatro nos Parques
Thiago Ferreira Bueno
Tiago Aparecido da Silva
washington
Wesley Souza
Weslley da Silva Gabanella
Wilson Inacio

APOIADORES 


Todo o conteúdo do portal www.capao.com.br é alimentado por moradores e internautas. As opiniões expressas são de inteira responsabilidade dos autores.


Vidas sem sentido

Por: Leonardo Lopes

Essa é uma historia de dois rapazes, um pobre morados de favela, e o outro morador de um condominio fechado nas redondesas da favela. um dia os dois rapazes de conheceram, jose que mora na favela e o fernando que é um filhinho de papai. Fernando achou a oitava maravilha quando jose contou que morava na favela, na boca de trafico, pois seu pai foi o dono da boca antes de morrer; porem não era essa vida que jose queria levar, jose queria ser doutor engenheiro, estudava e trabalhava todos os dias para isso, enquanto fernando so queria saber de vadiar e achava a vida dele uma merda,ele dizia que vida boa tinha jose que tinha drogas a sua disposição. um dia fernando teve uma briga com seus pais e decidiu sair de casa e pedir abrigo na favela, e lá ficou ele. nos sabemos que na favela tem muita gente de bem alias 80%, porem fernando queria se misturar com os 20% que era da banda podre. Fernando caiu no mundo do crime; fez o primeiro assalto com sucesso e comprou um carro do ano, fez o segundo com mais sucesso ainda e comprou a boca que já foi do pai de jose, fez o terceiro que deu um bom dinheiro e alugou um apartamento de cobertura , arranjou uma namorada que gostava de contar vantagem com os assaltos de seu namorado ( coisa que alumas moças da favela adoram fazer).

Em um dia lindo, o sol brilhava mais do que tudo, fernando e seus comparsas decidiram assaltar o banco itau que se localiza na av do estado, foram armados até os dentes, cheios de disposição para enfrentar qualquer batalhão e atirar no primeiro que tentasse alguma coisa; quando chegaram lá para entrar foi tudo tranquilo, lotaram os malotes com muito dinheiro, só que cometeram um deslise esqueceram do guarda que estava na guarita; quando estavam saindo deram de encontro com uma barreira policial fortemente armada, e trocaram tiros um dos comparsas do fernando, morreu, e os outros conseguiram fugir porem fernando quando tentou fugir foi pego pela policia.

Enquanto isso, jose estava na cidade universitaria para fazer inscrição do vestibular para o curso que sempre sonhou engenharia. no dia em que fernando foi condenado a 10 anos de cadeia, pois na conclusao do processo alegaram que ele já estava sendo procurado pela policia, jose estava iniciando seu ano letivo na usp. Os anos se passaram jose se casou com uma estudante de direito e tiveram dois filhos lindos. Equanto fernando continuava preso mendingando ajuda de seus familiares que ele tanto desprezou, pena que fernando não aprendeu nada com tudo isso, pois continuava com a ideia de ganhar dinheiro facil. no dia em que fernando recebeu voz de liberdade jose estava terminando a pos - graduaçao de seu curso, e foi neste dia que os dois se encontraram novamente, pena que foi pela ultima vez, pois fernando fez um outro assalto onde morreu, e o pior nem ficou sabendo que tinha um filho lindo de 09 e 8 meses. moral da historia: nem sempre um jovem de periferia precisa ir para o mundo do crime, ele tem outros meios de se dar bem no futuro, basta estudar, trabalhar, que um dia com toda certeza consegue realizar seus sonhos.

História enviada por: simone ferreira (linetelsimonef@ig.com.br)

COMENTÁRIOS


Colaborações deste autor:
Para ver todas as contribuições deste autor, clique aqui.

institucional capão redondo política de privacidade newsletter colunistas contato