artigos acontece nossa arte humor dialeto o comédia & o truta histórias para refletir
Quinta - 25 de Maio de 2017
COLUNISTAS 
@ SANDRA LOURENÇO
@RR RODRIGUES
Ademiro Alves (Sacolinha)
Alberto Lopes Mendes Rollo
Alessandro da Silva Freitas
Alessandro Thiago da Silva Luz
Alexandre M. O. Valentim
Ana Carolina Marques
Antony Chrystian dos Santos
Carla Leite
César Vieira
Cíntia Gomes de Almeida
Claudia Tavares
EDSON TALARICO
Eduardo Souza
Elias Lubaque
FAEL MIRO
Fernando Alex
Fernando Carvalho
Fernando Chaves dos Santos
Flávio Rodrigues
Garoto Loko (IT)
Gisele Alexandre
Henrique Montserrat Fernandez
Ivan de Carvalho Junqueira
Jack Arruda Bezerra
Jean Jacques dos Santos
João Batista Soares de Carvalho
João Henrique Valerio
JOEL BATISTA
Jonas de Oliveira
Jose de sousa
Júnior Barreto
Karina dos Santos
Karina dos santos
Leandro Carvalho
Leandro Ricardo de Vasconcelos
Leonardo Lopes
Luiz Antonio Ignacio
Marcelo Albert de Souza
Marco Garcia
Marcos Lopes
Maria de Moraes Barros
massilon cruz santos
Natália Oliveira
Nathalia Moura da Silva (POIA)
NAZARIO CARLOS DE SOUZA
NEY WILSON FERNANDES SANTANNA
Rafael Andrade
Rafael Valério ( R.m.a Shock )
Regina Alves Ribeiro
Rhudson F. Santos
Ricardo Alexandre Ferreira
Rodrigo Silva
Silvio Gomes Batisa
Sônia Carvalho
Teatro nos Parques
Thiago Ferreira Bueno
Tiago Aparecido da Silva
washington
Wesley Souza
Weslley da Silva Gabanella
Wilson Inacio

APOIADORES 


Todo o conteúdo do portal www.capao.com.br é alimentado por moradores e internautas. As opiniões expressas são de inteira responsabilidade dos autores.


Os dons que Deus me concedeu

Por: Sônia Carvalho

Se eu tenho bens materiais e não pratico a caridade, a pobreza espiritual me acompanha.

Se eu tenho um jardim repleto de rosas e sou incapaz de doar uma, amanhã elas perderam o seu encanto.

Se eu tenho o brilho das estrelas, mas não ilumino o caminho de ninguém, logo esse brilho desaparecerá.

Se eu tenho o canto dos pássaros ao meu lado e não alegro a vida de quem padece, o canto irá cessar.

Se eu tenho elevado grau de estudo, mas não compartilho os meus conhecimentos, de nada adiantará a minha sabedoria.

Se eu tenho oportunidade de ajudar e não faço, a depressão virá ser minha companheira.

Se eu posso ensinar e me recuso, as lições da vida chegarão até mim.

Se eu tenho alegrias e escondo sorrisos, as lágrimas virão me visitar.

Se eu digo que tenho fé, mas procuro destruir a esperança alheia, minha fé é inútil.

Se eu posso semear o amor, mas digo que o tempo me falta, o sofrimento me fará parar.

Se eu conheço os ensinamentos de Cristo e não os pratico, a cegueira atingirá o meu espírito.

Se eu posso muito e nada faço, a dor penetrará a minha alma.

E se os dons que Deus me concedeu estiverem trancados numa gaveta, terei que recomeçar.

Porque Deus me deu dons para que pudesse reparti-los, porque são como luz, a iluminar o meu caminho e muitos outros caminhos.

Afinal, somos todos irmãos e quando ajudamos, somos ajudados.

E assim, iremos evoluir e chegar ao nosso destino....

COMENTÁRIOS


Colaborações deste autor:
Para ver todas as contribuições deste autor, clique aqui.

institucional capão redondo política de privacidade newsletter colunistas contato