artigos acontece nossa arte humor dialeto o comédia & o truta histórias para refletir
Terça - 30 de Maio de 2017
COLUNISTAS 
@ SANDRA LOURENÇO
@RR RODRIGUES
Ademiro Alves (Sacolinha)
Alberto Lopes Mendes Rollo
Alessandro da Silva Freitas
Alessandro Thiago da Silva Luz
Alexandre M. O. Valentim
Ana Carolina Marques
Antony Chrystian dos Santos
Carla Leite
César Vieira
Cíntia Gomes de Almeida
Claudia Tavares
EDSON TALARICO
Eduardo Souza
Elias Lubaque
FAEL MIRO
Fernando Alex
Fernando Carvalho
Fernando Chaves dos Santos
Flávio Rodrigues
Garoto Loko (IT)
Gisele Alexandre
Henrique Montserrat Fernandez
Ivan de Carvalho Junqueira
Jack Arruda Bezerra
Jean Jacques dos Santos
João Batista Soares de Carvalho
João Henrique Valerio
JOEL BATISTA
Jonas de Oliveira
Jose de sousa
Júnior Barreto
Karina dos Santos
Karina dos santos
Leandro Carvalho
Leandro Ricardo de Vasconcelos
Leonardo Lopes
Luiz Antonio Ignacio
Marcelo Albert de Souza
Marco Garcia
Marcos Lopes
Maria de Moraes Barros
massilon cruz santos
Natália Oliveira
Nathalia Moura da Silva (POIA)
NAZARIO CARLOS DE SOUZA
NEY WILSON FERNANDES SANTANNA
Rafael Andrade
Rafael Valério ( R.m.a Shock )
Regina Alves Ribeiro
Rhudson F. Santos
Ricardo Alexandre Ferreira
Rodrigo Silva
Silvio Gomes Batisa
Sônia Carvalho
Teatro nos Parques
Thiago Ferreira Bueno
Tiago Aparecido da Silva
washington
Wesley Souza
Weslley da Silva Gabanella
Wilson Inacio

APOIADORES 


Todo o conteúdo do portal www.capao.com.br é alimentado por moradores e internautas. As opiniões expressas são de inteira responsabilidade dos autores.


Brasil e o Futuro

Por: Eduardo Souza

Edu Souza Qual a sua opinião sobre a desigualdade social que assola o Brasil?

Keila Angélica Eu acho q a desigualdade social é algo q vem de baixo, educacional, já que a classe mais baixa cada vez tem mais descendente enquanto a classe rica tem menos, concentrando ainda mais a renda, e a classe mais baixa dividindo.
As oportunidades estão escassas pra todos, ou seja, cada vez mais selecionando e prejudica ainda mais fora a falta de vontade política de acabar com a desigualdade, porque ela rende votos e circulação de dinheiro, com investimentos desviados em obras q não saem do papel.

Edu Souza
Como à senhora vê esta onda de violência e como acha que seria possível resolver essa situação?

Keila Angélica
Acho q essa onda de violência se resolve com um sistema carcerário justo, uma policia mais ofensiva e fim da marginalização policial por parte da mídia.

Edu Souza
Qual o cenário político e econômico que a senhora prevê para os próximos quatro anos?

Keila Angélica
Bom... Nos próximos quatro anos vejo um governo mais medroso com escândalos políticos, porem um governo mais sólido pela experiência. Já que o referencial agora é o próprio governo já exercido quatro anos antes e mais os anteriores governos.

Edu Souza
Como à senhora planeja ou prevê sua situação econômica e como imagina seu modo de vida daqui quatro anos?

Keila Angélica
Acho que será uma tentativa forte de aquecimento econômico, já que foi o maior alvo de critica ao presidente durante a campanha.
Então vejo uma intensificação de trabalho do governo para o aquecimento econômico já que a tendência dos visinhos como Chile, Argentina e Venezuela estão crescendo. Também vejo uma preocupação maior na violência dos grandes centros urbanos.
Fora isso a continuidade dos programas de distribuição de renda que foram o que realmente deram a vitória ao atual governo.

Edu Souza
O que a senhora quer conquistar e o que gostaria de ver o Brasil conquistando?

Keila Angélica
Vejo-me conquistando um emprego pleno finalmente.
Já para o Brasil, que consiga níveis de segurança, educação, saúde, desenvolvimento e social mais justo.

COMENTÁRIOS


Colaborações deste autor:
Para ver todas as contribuições deste autor, clique aqui.

institucional capão redondo política de privacidade newsletter colunistas contato