artigos acontece nossa arte humor dialeto o comédia & o truta histórias para refletir
Sexta - 15 de Dezembro de 2017
COLUNISTAS 
@ SANDRA LOURENÇO
@RR RODRIGUES
Ademiro Alves (Sacolinha)
Alberto Lopes Mendes Rollo
Alessandro da Silva Freitas
Alessandro Thiago da Silva Luz
Alexandre M. O. Valentim
Ana Carolina Marques
Antony Chrystian dos Santos
Carla Leite
César Vieira
Cíntia Gomes de Almeida
Claudia Tavares
EDSON TALARICO
Eduardo Souza
Elias Lubaque
FAEL MIRO
Fernando Alex
Fernando Carvalho
Fernando Chaves dos Santos
Flávio Rodrigues
Garoto Loko (IT)
Gisele Alexandre
Henrique Montserrat Fernandez
Ivan de Carvalho Junqueira
Jack Arruda Bezerra
Jean Jacques dos Santos
João Batista Soares de Carvalho
João Henrique Valerio
JOEL BATISTA
Jonas de Oliveira
Jose de sousa
Júnior Barreto
Karina dos Santos
Karina dos santos
Leandro Carvalho
Leandro Ricardo de Vasconcelos
Leonardo Lopes
Luiz Antonio Ignacio
Marcelo Albert de Souza
Marco Garcia
Marcos Lopes
Maria de Moraes Barros
massilon cruz santos
Natália Oliveira
Nathalia Moura da Silva (POIA)
NAZARIO CARLOS DE SOUZA
NEY WILSON FERNANDES SANTANNA
Rafael Andrade
Rafael Valério ( R.m.a Shock )
Regina Alves Ribeiro
Rhudson F. Santos
Ricardo Alexandre Ferreira
Rodrigo Silva
Silvio Gomes Batisa
Sônia Carvalho
Teatro nos Parques
Thiago Ferreira Bueno
Tiago Aparecido da Silva
washington
Wesley Souza
Weslley da Silva Gabanella
Wilson Inacio

APOIADORES 


Todo o conteúdo do portal www.capao.com.br é alimentado por moradores e internautas. As opiniões expressas são de inteira responsabilidade dos autores.


A BICICLETINHA!!!

Por: EDSON TALARICO

A BICICLETINHA!!!

 

“Tenho uma raiva danada desse cara!!!”

Essa foi a primeira frase que minha cunhada (Sil) ouviu quando meu irmão (Robinson) a apresentou em casa.  Lógico que ela ficou sem entender nada. Tive que explicar...

 

O cara sempre foi 1 folgado. Analisem comigo.

Só prá agradar meu pai, que era corinthiano roxo, ele Nasceu em 1954 (4º Centenário), ano em que o Corinthians foi campeão Invicto.  Como meu pai adorava futebol, o brinquedo que ele mais gostava era a bola... temos fotos que mostram ele com a chupeta na boca abraçado à bola (maior que ele).

Com 2 ou 3 anos, o “Zé Pacote”, como o Zé Vitorino o chamava, andava pelo olaria só de camisetinha, a cara toda suja, cantando:

“Eu vou pá Camarangaia, eu vou...”

Meu pai se derretia pelo branquelinho e resolveu, no seu aniversário, lhe fazer uma surpresa:

Comprou um daqueles triciclos (Bandeirante) e pediu que eu (O mais velho dos mais novos) fosse buscá-lo, com a condição de não falar nada prá ele. Meu pai queria ver a sua reação, lógico...

O sujeitinho estava perto da pipa, distante uns 400 mts.da casa.

Falei: “O pai tá te chamando lá em casa...”

“Prá que ?” indaga o monstrinho...

“Ele quer que você vá até lá agora...”

“Num vou...”

“...vai sim...”

“Num vou...”

“...vai sim...”

Prá encurtar a história acabei contando, com o maior cuidado: “O pai comprou 1 bicicletinha prá você... mas, não fala que eu te falei, hein!!!...”.

Isso porque eu não conseguiria carregar o ‘porpetinho’ tão longe. Mas implorei ao fulano que fizesse de conta que não sabia de nada.

Ao chegar à casa o sujeito aos prantos foi perguntando:

“Cadê a minha bicicletinha!!!???”

Resumindo: Surra no lombo do Mais Velho dos mais Novos...

 

É ou não é prá ter uma raiva danada desse cara ?!?

COMENTÁRIOS


Colaborações deste autor:
Para ver todas as contribuições deste autor, clique aqui.

institucional capão redondo política de privacidade newsletter colunistas contato